Assistindo TV há muito tempo? Interrompa a maratona e levante-se um pouco

0
10

Já passa da meia-noite e você está prestes a começar a assistir ao terceiro episódio consecutivo daquele drama policial ou comédia clássica, sentado(a) no sofá com um cobertor. Essa pode ser uma maneira aconchegante de relaxar, apenas tente não fazer isso por muito tempo ou com muita frequência.

Se você se preocupa com os efeitos cardiovasculares a longo prazo, não importa o motivo pelo qual você está sentado, é importante criar o hábito de se mover de vez em quando.

Um artigo que revisou estudos anteriores relacionados à TV encontrou uma conclusão semelhante: assistir por períodos mais longos pode aumentar o risco de desenvolver um coágulo sanguíneo. Eles podem se formar quando algo diminui ou altera o fluxo do sangue.

Após cerca de uma hora sentado, sangue e fluido começam a se acumular nas pernas. Esse agrupamento diminui o fluxo e a circulação, fazendo com que a pressão sanguínea comece a subir para compensar o retorno do sangue até o coração.

Alinhado à frase popular: Tudo, em excesso, faz mal

Outro estudo descobriu que as pessoas que assistem pouca ou nenhuma TV e são ativas vivem cerca de dois anos e meio a mais sem doença cardíaca coronária, derrame (AVC) e insuficiência cardíaca, comparado aquelas que frequentemente assistiam e eram sedentárias.

Mas esses hábitos provavelmente não mudarão tão cedo, dada a popularidade dos serviços de streaming e o fascínio com os menus cheios de opções. A Netflix já disse em declaração que os assinantes preferem terminar uma temporada inteira em uma semana, em vez de assistir a um episódio semanalmente.

Segundo os especialistas, a solução é simples: levantar e fazer uma pausa. Você não precisa se livrar da sua televisão. Você só precisa parar de assistir em excesso. Levante-se e lave a louça, coloque um monte de roupa para lavar ou embale seu almoço para o dia seguinte. O importante é fazer alguma coisa.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments