Dieta mediterrânea pode diminuir o risco de pré-eclâmpsia, especialmente em mulheres negras

0
20

Seguir uma dieta de estilo mediterrâneo durante a gravidez pode diminuir o risco de pré-eclâmpsia, uma complicação relacionada à pressão arterial que pode ser fatal, mostra uma nova pesquisa

A pré-eclâmpsia consiste em um novo diagnóstico de hipertensão (pressão alta) ou de piora de hipertensão preexistente, que é acompanhada de um excesso de proteína na urina e normalmente surge após a 20ª semana de gestação. 

O estudo descobriu ainda que mulheres negras – que estão em maior risco para a condição do que as demais -, tiveram os maiores ganhos na redução de risco à medida que aderiram a esse padrão alimentar, em comparação com aquelas que não o fizeram. 

Essa é uma complicação grave que afeta de 5% a 10% das mulheres grávidas em todo o mundo. Pode ser fatal para mãe e filho e mais do que duplica o risco de uma mulher para doenças cardiovasculares a longo prazo, incluindo hipertensão arterial crônica, derrame (AVC), doenças cardíacas e insuficiência cardíaca.

Com riscos para ambos, é importante identificar os fatores modificáveis

As mulheres com essa condição são mais propensas a dar à luz prematuramente e seus filhos também correm maior risco de desenvolver pressão alta e doenças cardíacas. A pré-eclâmpsia e as doenças cardíacas compartilham vários fatores de risco, incluindo pressão alta, diabetes e obesidade. 

Para prevenir, mudanças no hábitos de vida sempre estão ao seu alcance. O padrão alimentar de estilo mediterrâneo – com foco em vegetais, frutas, legumes, nozes, azeite, grãos integrais e peixes – demonstrou reduzir o risco de doenças cardíacas em adultos. 

O novo estudo analisou se esse padrão alimentar poderia diminuir o risco de pré-eclâmpsia para todas as mulheres, mas especialmente aquelas em alto risco. No geral, as que seguiram uma dieta de estilo mediterrâneo durante a gravidez tiveram mais de 20% menos chances de desenvolver a doença. 

As mulheres devem ser encorajadas a seguir um estilo de vida saudável, incluindo uma dieta nutritiva e exercícios regulares em todas as fases da vida, segundo os especialistas. Comer alimentos saudáveis ​​regularmente, incluindo vegetais, frutas e legumes, é especialmente importante durante a gravidez.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments