Reparar ou substituir: Qual é a melhor maneira de tratar as doenças da válvula mitral?

0
19

Na vida, é importante “seguir o fluxo”, como dizem por aí. Mas quando se trata do seu coração, às vezes esse fluxo precisa de um pouco de ajuda. Normalmente, o sangue rico em oxigênio deve fluir livremente, sair das câmaras do coração e inundar o resto do corpo. 

Mas há um obstáculo que ele precisa superar primeiro. Entre o átrio esquerdo e o ventrículo está a válvula mitral, que mantém o sangue fluindo para a frente. No entanto, se você tem uma doença da válvula mitral, seu fluxo sanguíneo é interrompido e pode até fluir ao contrário.

Tipos de problemas 

Existem três tipos básicos de problemas valvares: atresia, estenose e regurgitação. A atresia é um defeito congênito raro (presente desde o nascimento). A válvula mitral não se forma corretamente, o que impede que o sangue flua adequadamente para o ventrículo esquerdo. 

A estenose mitral ocorre quando as abas (folhetos) da válvula endurecem, engrossam ou se fundem. Isso impede que sua válvula mitral se abra completamente, o que significa que você não recebe sangue suficiente fluindo pela válvula.

A regurgitação da válvula mitral é um dos tipos mais comuns de distúrbios da válvula cardíaca e acontece quando a válvula mitral não fecha bem. Em vez de apenas fluir para o ventrículo esquerdo, o sangue também flui para trás no átrio esquerdo. 

Corrigindo com um reparo de válvula

Quando possível, os médicos especializados tentam reparar as válvulas antes de substituí-las, preservando o próprio tecido cardíaco. Os reparos têm vários benefícios: preservam a função e a força do músculo cardíaco e reduzem o risco de endocardite infecciosa pós-cirurgia. 

Uma forma comum de reparo da válvula para estenose (estreitamento) é chamada de valvoplastia por balão. É minimamente invasivo, o que significa que há menos dor e perda de sangue. Outro tratamento menos invasivo para a insuficiência mitral é o MitraClip

Corrigindo com uma substituição de válvula 

Há também momentos em que uma válvula mitral está muito danificada para ser reparada, o que significa que você precisará substituí-la. Existem dois tipos principais de substituição: as com válvulas mecânicas fabricadas e válvulas biológicas – e ambas possuem vantagens e desvantagens.

Como em qualquer decisão médica, é importante obter todos os fatos e revisar com seu médico qual opção pode ser a certa para você. Se você tem problemas na válvula mitral e gostaria de uma consulta, procure um profissional perto de você.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments