Seu cardiologista disse que você precisa começar a se exercitar. E agora? 

0
5

Se o seu cardiologista, clínico geral ou outro médico lhe disser que você precisa começar a se exercitar mais, você pode estar pensando “por onde eu começo?” ou “qual exercício é melhor para mim?”

Há uma variedade de tipos de exercícios que podem trazer benefícios para sua saúde, condicionamento físico e, claro, seu coração. Basta encontrar qual mais se encaixa com você e com a sua rotina. 

Qual é a escolha certa para você?

Exercício aeróbico

O exercício aeróbico, também chamado de “cardio” ou exercício de “resistência”, é um dos melhores métodos de treinamento para estimular sua frequência cardíaca e manter seu sistema circulatório saudável. Ele pode incluir uma caminhada rápida, corrida, natação ou ciclismo. 

Se você é iniciante, comece com 10 a 15 minutos de caminhada em um ritmo ágil e aumente gradualmente a intensidade ao longo do tempo. 

Treinamento Intervalado de Alta Intensidade (HIIT)

O HIIT é outro ótimo método para aumentar sua saúde cardiovascular geral, melhorar a pressão arterial e a aptidão aeróbica – enquanto reduz a gordura abdominal e o peso corporal. É recomendado para quem se exercita há um tempo e já construiu uma base de condicionamento físico.

Os programas consistem em esforços repetidos de alta intensidade seguidos por tempos de recuperação variados. Se você está com pouco tempo, este método pode ser adequado para você. Apenas 10 minutos demonstraram melhorar a aptidão cardiovascular.

Treinamento de Força e Resistência

Quer fortalecer seus músculos e melhorar a saúde cardiovascular? É recomendado o treinamento de força duas vezes por semana com dois dias de descanso entre cada sessão. Aumentar a massa muscular ajuda a aumentar sua taxa metabólica, o que permite que você queime mais calorias ao longo do dia. 

Se você não tem acesso a equipamentos de ginástica ou pesos, fazer um programa de treinamento de força com o próprio peso corporal (calistenia) é uma ótima maneira de começar.

Yoga

Este é um método de exercício que existe há séculos e é benéfico para força, flexibilidade, equilíbrio e resistência, bem como para a saúde cardiovascular e geral. A meditação também desempenha um papel no Yoga, melhorando os níveis de estresse, ansiedade e depressão. Visite sua academia local ou pesquise online!

Treinamento de Flexibilidade

O treinamento de flexibilidade oferece mais liberdade de movimento, melhorando a mobilidade em suas articulações. Você deve alongar seus principais grupos musculares pelo menos duas a três vezes por semana. Cada alongamento deve ser mantido por 10 a 30 segundos e repetido duas a quatro vezes.

Zumba

Odeia exercício, mas adora dançar? Nesse caso, a Zumba pode ser uma opção para você. Um treino disfarçado, ela aumenta a frequência cardíaca e fortalece os músculos centrais do corpo. Bônus: é divertido também! Se estiver nervoso(a) por dançar em público, comece dançando em casa por alguns minutos.

Lembre-se: a Associação Americana do Coração recomenda 150 minutos de atividade moderada a vigorosa por semana. Você pode acompanhar o seu progresso por meio de aplicativos no seu próprio celular. Eles podem te ajudar a rastrear exercícios, ingestão nutricional e evolução geral.
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments